Compulsão alimentar – Como identificar?

Muito se confunde quando o assunto é compulsão alimentar e por isso decidi escrever hoje sobre o assunto.

Será que compulsão alimentar é quando como um pouco a mais no final de semana? Ou quando estou ansiosa e desconto na panela de brigadeiro?

A resposta é não.

Para entendermos o transtorno de compulsão alimentar, precisamos saber que todo transtorno tem causa multifatorial e nunca se fecha um diagnóstico baseado apenas em um único sintoma, com a compulsão não seria diferente.

O transtorno de compulsão alimentar é caraterizado pelos seguintes sintomas:

– Comer uma quantidade de comida definitivamente maior do que a maioria das pessoas consumiria no mesmo período e em circunstancias semelhantes

– Sensação de falta de controle (não conseguir parar de comer ou controlar a quantidade)

– A pessoa come muito mais rápido que o normal

– Come até se sentir desconfortavelmente cheio

– Come na ausência da sensação física de fome

– Geralmente come sozinho por sentir vergonha de estar comendo

– Se sente deprimido e culpado pela situação

É necessário apresentar alguns desses sintomas, com pelo menos um episódio de compulsão por semana em um período de pelo menos 3 meses.

É importante entendermos que a compulsão alimentar causa um grande sofrimento na vida do paciente, comprometendo significativamente sua qualidade de vida.

O sentimento de culpa e de responsabilidade pelo que está acontecendo dificulta a pessoa a procurar ajuda, pensamentos como: “Eu consigo sozinha. Vou comer só hoje e a partir de amanhã vou seguir uma dieta. Ou, é responsabilidade minha e ninguém pode me ajudar”, são muito prejudiciais, pois a compulsão alimentar não é uma questão de força de vontade, e querer ou ter motivação, é um transtorno e precisa de tratamento multidisciplinar.

Comece procurando ajuda de um psiquiatra e psicólogo.

Você não precisa passar por isso sozinha.


Jennifer Lisboa

Psicóloga Clínica Online

CRP 01/20655

https://instagram.com/jenniferlisboapsi?utm_medium=copy_link

Deixe um comentário