5 Dicas para Tirar os Planos do Ano Novo do Papel de Forma Tranquila

Ano novo oficialmente iniciado, o que mais vemos por aí é um monte de gente fazendo milhões de planos, crendo que “dessa vez vai ser diferente”, ou “agora vai”. É muito lindo, muito bacana a boa intenção, só que não adianta nada ter um monte de boas intenções e não saber, de fato, o que fazer para colocá-las em prática na própria vida a ponto de fazer com que isso gere uma transformação de fato.

 E mais, tenho visto (eu já fui assim também) que muitas vezes os planos não saem do papel ou da mente simplesmente porque a pessoa não consegue entender como dar um passo de cada vez, ou como o que deve ser feito no dia de hoje para alcançar o alvo final. E não tem coisa pior do que chegar ao final de mais um ano com um monte de planos frustrados.

Parte da frustração por não ter conseguido concretizar os planos ou as metas também pode acontecer por não sabermos dimensionar aquilo que precisa ser feito a cada dia. Muitas vezes, visualizamos a grande meta a ser alcançada lá no dia 31/12, mas não sabemos o que precisa ser feito hoje, dia 01/01, 02/01, 03/01, e assim por diante. E não saber fazer a parte pequena pode ser, na verdade, o maior problema que nos impede de alcançarmos o objetivo final, e não problemas maiores, como somos levadas a pensar.

Seguem, então, algumas dicas bem simples que, inclusive, usei em mim mesma para começar a sair do piloto automático em 2021. O ano já começou, sim, mas ainda dá tempo de mudar algo em sua vida.

Dicas para facilitar a implementação de novos hábitos:

  1. Estabeleça pequenos alvos para o seu dia de hoje, que sejam específicos, mensuráveis, relevantes, alcançáveis e facilmente “encaixáveis” dentro da sua rotina diária. Exemplo: ler 3 páginas de um livro por dia, em vez de ler 1 livro inteiro por semana, pode ser bem mais alcançável e específico.
  2. Viva um dia de cada vez. Sua meta pode ser fazer atividade física todos os dias, no mínimo por 15 minutos. Faça, então, a sua parte para cumprir essa meta de fazer 15 minutos de atividade física hoje. Só por hoje. Um dia de cada vez.
  3. Comemore os pequenos passos que você foi capaz de dar. Acha pouco conseguir ler 3 páginas por dia? Faça as contas e veja quantas páginas você terá lido ao final de 1 ano. Por isso, celebre cada pequeno passo. Todos eles são importantes e você está progredindo.
  4. Simplifique ao máximo a sua vida. Talvez se matricular naquela academia top que fica longe da sua casa ou do seu trabalho não seja a melhor opção para você. Talvez fazer aquela dieta cheia de ingredientes difíceis de encontrar, ou difícil de preparar, também não seja o melhor. Nosso cérebro gosta de economizar energia, então para que ele se amolde ao novo hábito, é bom que esse processo seja o mais prático possível. Deixe suas roupas de academia separadas no dia anterior. Aprenda a preparar marmitas que podem ser congeladas, enfim, faça tudo o que puder para facilitar a sua vida.
  5. Não se estresse. Escorregou hoje? Faça tudo certo amanhã, sem se culpar, sem se cobrar, sem se comparar com ninguém. Você é você, e você está em constante evolução.

Garanto a você que essas pequenas coisas, se colocadas em prática, trazem uma grande mudança. Eu vivi esse processo na minha própria vida, inclusive, depois de ter feito 40 anos, então posso dizer que nunca é tarde para mudar a sua história. Se você não desistir, os bons resultados vêm. Não existe mágica, existe apenas consistência.

Se quiser ouvir com calma um pouco de como essas dicas funcionaram para mim, tem vídeo no meu IGTV sobre esse assunto. Clique aqui para conferir.

Estou torcendo por você!

Grande abraço!

Patty Azevedo

Um comentário

Deixe uma resposta